...e os sonhos? eram só sonhos...e a vida? a vida continua... e eu? eu sobrevivi...
...obrigada por afagar, com seu olhar e seu carinho meus escritos...

sábado, 18 de agosto de 2012

Prá Não Chorar...



O vento sopra calmo
E o mar azul, tão sereno
Banha a areia...
Gaivotas voam e enfeitam
O céu de branco...
Sozinha na praia
Olhando o horizonte,
Sussurro teu nome
Como se fosses me ouvir...
Em resposta ao meu lamento
O mar murmulha
Uma canção prá me consolar...

Cabisbaixa,
Finjo que escuto
Prá não chorar...
(ania)

5 comentários:

  1. LInda e reflexiva poesia!!beijos,ótimo domingo!chica

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Tristeza faz parte da vida né? Uma hora passa...E o mar irá marulhar o nome de alguém que te mereça.
    Fazia tempo que não vinha aqui. Musiquinha boa.
    Dia 23, quinta vai ter festa no Confissionarium, te convido, vou preparar uma mesa para receber meus amados amigos, bolo, bebida, tudo virtual...hahahah! Que pena que não é real, mas vamos lá!
    Te aguardo, ok? Uma linda semana pra ti!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  4. Gosto de vir aqui e vez por outra o faço, para ler seus versos lindos, mas tristes...
    Acredite, eu acredito, um dia aqui chegarei e lerei as suas poesias, plenas de alegria e felicidade.
    Beijos.

    ResponderExcluir

Seu comentário afaga minha alma...obrigada!