...e os sonhos? eram só sonhos...e a vida? a vida continua... e eu? eu sobrevivi...
...obrigada por afagar, com seu olhar e seu carinho meus escritos...

sábado, 15 de julho de 2017

Solidão...





Sou como um barco solitário,
as águas a singrar,
perdido, a esmo, a marear....

...e a solidão povoa meus dias
nem Beethoven, na vitrola a tocar,
consegue  tua ausência, disfarçar...

Sou como um barco à deriva,
os mares a cruzar,
abandonado, sem rumo, a vagar...
(ania)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário afaga minha alma...obrigada!